Adivinhas - sugestão de leitura da Maria, Catarina e do Rafael do 3.ºE

       

      Quando lemos este livro, vimos que era giro, porque tinha muitas adivinhas. A que nós gostámos mais foi “Uma senhora, muito assenhorada dorme numa cama que está sempre molhada”, porque era a mais difícil! Têm de ler para descobrir o que é.
       A segunda adivinha de que gostámos foi “Tenho folhas sem ser árvore e falo sem ter voz; se me abres, não me queixo…”. Essa também é muito engraçada e tem a ver com a biblioteca.
Este livro é muito divertido!

Maria Pontes, nº 19, Rafael Sousa, nº 22 – 3.ºE

        Este texto fala de adivinhas muito engraçadas. A minha preferida é esta: «altos palácios, lindas janelas, abrem e fecham ninguém mora nelas”.
       Gosto muito de adivinhas como, por exemplo: «sou branco como o papel e frágil como um cristal todos me conseguem abrir ninguém me consegue fechar”.
       Gostei muito deste livro, porque as adivinhas são muito engraçadas e quando estou triste fazem-me ficar feliz!      
       É um livro muito engraçado.   
    
Catarina Arsénio, 3.ºE

EB Miquelina Pombo   


Adivinhas de María Fe Quesada

Edição/reimpressão:2007
Páginas: 48
Editor: Everest Editora
ISBN: 9789727508440
Coleção: Montanha Encantada
Faixa etária: dos 4 aos 5 anos

Idioma: Português


Comentários